Rafa Avelar

Sabe aquela estória que nada é por acaso? Acredito muito nisso.Antes de me tornar fotógrafo fui músico profissional, me formei psicólogo e atendi por alguns anos.

Acredito que esses anos que atuei como psicólogo me ajudaram a ter mais sensibilidade para acolher as pessoas e principalmente acreditar que há mudança quando elas olham para si mesmas.

Quando me lembro das pessoas cantando juntas uma música em um dos meus shows eu sinto o quanto a arte é poderosa para unir as pessoas e deixa-las mais leves.

Sou o tipo de pessoa que gosta de coisas simples, como: reunir para comer, tocar um violão, estar com a família, amigos. Amo meu trabalho e a possibilidade de criar, inovar, conhecer pessoas e ter sempre boas estórias para contar.

Então, olhando para quem eu sou, consigo entender claramente porque me tornei fotógrafo. Desejo, através da arte, proporcionar um encontro daqueles que fotografo com uma experiência que seja a melhor possível, pois encontram consigo mesmos.

Como deseja contactar?

  • WhatsApp
  • E-mail